O desperdício da Oração!

By quinta-feira, janeiro 28, 2016 ,



O desperdício da Oração!

A primeira multiplicação de pães e peixes foi muito grande. Deu para alimentar mais ou menos cinco mil homens, sem contar as poucas mulheres e crianças. (Mateus 14:21). “Todos comeram à vontade” e ficaram satisfeitos (João 6:11-13). Mesmo assim, muitos pedaços de pães e peixes ficaram espalhados pela grama. Isso chamou a atenção de Jesus, não tanto pela sujeira, mas em razão do desperdício. Daí a ordem dada por ele: “Recolham os pedaços que sobraram a fim de que não se perca nada” (João 6:12). As sobras eram tantas que os discípulos encheram doze cestos (e não doze sacolinhas). O texto deixa claro que não se pode desperdiçar os dons de Deus!
Se não se pode desperdiçar pães de cevada (naquela época, o pão mais em conta, consumido pela camada pobre da sociedade), muito menos deve-se desperdiçar a oração, outro dom de Deus, maior do que o anterior!
Entre as passagens que abrem os nossos olhos para o desperdício da oração, encontramos as seguintes: Logo no sermão da montanha, seu primeiro sermão, Jesus declara: “Peçam e vocês receberão, procurem e vocês acharão; batam, e a porta será aberta para vocês. Porque todos aqueles que pedem recebem, aqueles que procuram acham; e a porta será aberta para quem bate.” (Mateus 7:7-8)
Em seu estilo contundente, Tiago é mais objetivo. Depois de escrever: “Vocês querem muitas coisas”, “vocês as desejam ardentemente” e “vocês não conseguem possuí-las”, o autor da carta afirma categoricamente: “Vocês não conseguem o que querem porque não pedem a Deus” (Tiago 4:2). A razão da pobreza espiritual não tem nada de complicado, é uma só: Desperdício de oração!
Ele já havia demonstrado isso no início de sua carta, dirigida “a todo o povo de Deus espalhado pelo mundo inteiro” (Tiago 1:1)
“Se alguém tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, e Ele a dará pois é generoso e dá com bondade a todos” (Tiago 1:5). Parafraseando, “se alguém não tem sabedoria, não continue ignorante, não fique complexado, não desista, pois para solucionar a carência de algo há uma porta aberta pela riqueza do amor de Deus—a oração”.
Precisamos aprender a desdobrar essa passagem de Tiago. Sabedoria pode ser a maior necessidade de alguns, e não de todos. Outros precisam de alegria, de amor, paz, ânimo, coragem, caráter, companhia, cura, direção, discernimento, estabilidade emocional, emprego, fé, paciência, humildade, saber perdoar, refrigério, saúde, santidade, libertação e assim por diante. 
Nessa semana quero desafiar você à reescrever essa passagem de Tiago de acordo com a sua necessidade pessoal (tanto no singular como no plural). Por exemplo: "Se alguém tem falta de alegria, peça alegria a Deus, e Ele a dará. Ou: "Se alguém tem falta de caráter, não peça felicidade, mas peça a Deus, sem o menor rodeio, caráter, e Ele o dará pois é generoso e dá com bondade a todos."
Outras duas passagens que apontam para o desperdício da oração estão em Provérbios e em Efésios. A primeira diz: “Peça a Deus que abençoe os seus planos, e eles darão certo”. (Provérbios 16:3)
A segunda afirma que toda glória deve ser dada a Deus porque Ele "pode fazer muito mais do que nós pedimos ou pensamos". (Efésios 3:30)

Não desperdice suas orações, alinhe seus planos aos propósitos de Deus, assim você viverá a boa, perfeita e agradável vontade do Senhor.

Aceita o desafio?!
Depois me conte as mudanças que ele lhe trouxe!

Que Deus a abençoe, boa tarde! 

— Franciele Luz! 







EU SOU UMA MULHER AMADA, ACEITA, VALORIZADA, UNGIDA, INTELIGENTE ABENÇOADA, CONTROLADA, MÃE, COMPANHEIRA, ALEGRE, AMIGA, SÁBIA E VITORIOSA EM TODAS AS ÁREAS DA MINHA VIDA.

You Might Also Like

0 Deixe seu comentário

Obrigada pela visita !

Deus te abençoe com toda a sorte de bençãos nas regiões celestiais.

Eu declaro que você viverá dias de alegria,de paz de saúde,de prosperidade,de amor.Nesses dias, o Senhor mudará a sua sorte e a sua boca se encherá de riso e a sua família viverá o melhor de Deus. Em nome de Jesus.