O cuidado com a Alma - parte II

By sexta-feira, dezembro 24, 2010 , ,


                                                          Créditos imagem: (imag. in CAEDES.NET - título TRIUNFO DA ALMA)


“A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do Senhor é fiel, e dá sabedoria aos símplices. Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração; o mandamento do Senhor é puro, e ilumina os olhos. O temor do Senhor é limpo, e permanece eternamente; os juízos do Senhor são verdadeiros e justos juntamente. Mais desejáveis são do que o ouro, sim, do que muito ouro fino; e mais doces do que o mel e o licor dos favos.”(Salmos 19:7-10)

Conhecer os princípios bíblicos é a única forma de tratar os assuntos com a seriedade que a situação necessita. Aquilo “que você pensa” pode fragilizar o princípio, mas o que a Bíblia diz, certamente, fortalecerá o caráter. Quando alguém caminha pelos princípios, protege a sua alma, assim como a alma daqueles com quem convive. Há uma proteção mútua. Ninguém erra por aplicar os princípios, pelo contrário, só acerta.

Em Ezequiel 3:16, Deus nos mostra algo: toda pessoa que deseja uma alma protegida precisa ser atalaia. A ordem, então, é: proteja a sua alma! Se você não proteger a sua alma, ela facilmente será denunciada.

Algumas pessoas têm dificuldades para cumprir as metas, por estarem com a alma desprotegida. Todos que possuem a alma desprotegida distraem-se facilmente e isso dá margem para focar os olhos em alvos que não lhes competem.

Automaticamente, a alma quer responder às chamadas que estão à sua frente ou ao seu lado. A alma pode selecionar as escutas e os ambientes; pode decidir entrar em qualquer lugar e se proteger, ou seja, não se permitir ser flechada. O líder que tem uma alma protegida, curada, alcança as suas metas, porque é persistente e insistente, até ver cumprido o propósito. 

Alma protegida

Proteja a sua alma antes que ela seja denunciada. Uma alma que não é curada pode tornar-se uma bomba, que entra numa contagem regressiva para explodir a qualquer momento. E, quando esse dia chega, não é somente o dia da fatalidade e, sim, o da explosão de tudo o que estava guardado dentro da pessoa. Permita que Deus desarme essa bomba e cure-o. Dê um basta nas suas emoções descontroladas. Não se deixe entrar em situações que possam fazer de você objeto de escândalo. 

É você quem decide caminhar para o êxito ou para a derrota. Certa vez, Jesus advertiu: “Ai daquele por quem vier o escândalo” (Lc 17:1). No original, escandalós era uma espécie de buraco, cavado por soldados romanos, no qual eram enterrados espetos de ferro, aço e fibras, encobertos por fezes.

Na hora da guerra, os soldados romanos atraíam seus inimigos para essa armadilha. Quando alguém caía nesse buraco, morria, ficava gravemente ferido ou era infectado. Esse era o “espeto de Roma”. Sobre isso, Jesus aconselhou seus discípulos: “Ai daquele por quem vier o escândalo”. Ou vai sair morto, ou ferido, ou infectado.

Essa maneira de Jesus exemplificar o escândalo foi ilustrada através da luta rebelde, traidora, violenta e covarde de Roma. Observe o nível do escandalós. A alma pode provocar escândalos que chegam ao nível de matar o irmão, feri-lo, fragilizá-lo ou contaminá-lo. Tudo isso é escândalo. É uma alma plenamente exposta, difícil de ser entendida.

Há pessoas que aceitam a Jesus e O servem por medo de denunciar a alma. Isso dá uma pseudo-aliviada no seu psiquê, mas, na verdade, dentro de si não houve, de fato, uma resolução porque não houve cura, tratamento.

A alma não é um tonel de lixo para ficar acumulando enfermidades. A alma dever estar disponível a lançar fora tudo o que a enfermou. Somente o fato de você permitir essa cura é motivo de alegria. A solução para a alma está em ter um encontro com Deus, porque alguns criam rotas, pensando alcançar o êxito, e essas rotas podem ser uma tremenda armadilha.

Quando uma pessoa vive pelos princípios bíblicos, atrai cura para si mesma. Ao liberar para alguém uma palavra de bênção, baseada nos princípios, você também participa da mesma bênção. Se nós somos depósitos dessas sementes, é claro que isso vai fazer muito bem a todos nós. Cite sempre os princípios bíblicos.

A Igreja tem recebido um nível de ensinamento tão nobre, que não é mais cabível caminhar com atitudes não condizentes ao Reino. É necessário atingir a maturidade para não deixar que a família ou os discípulos sejam punidos pelos desenfreios de uma alma doente. 

Os princípios bíblicos são decretos proféticos, assim como a nossa chamada é profética. As dificuldades da alma só serão vencidas quando conhecermos os princípios adequados para cada realidade, para cada enfermidade.

Em cada área de dificuldade, há princípios bíblicos curativos, que estão bem perto de nós, basta apenas decidirmos vivê-los. Tudo está dentro da chamada profética na qual as emissões de palavras ajustam a alma de qualquer líder. Não há nada melhor do que estar na veia profética e conhecer a Palavra de Deus: você consegue demolir qualquer fortaleza.

A emissão profética dentro de um princípio bíblico emudece qualquer argumento contrário (Mateus 4:3-11). A emissão desses decretos traz cura. Temos aprendido que o confronto traz cura! Vários líderes mencionados na Bíblia foram curados ao serem confrontados.

Em I Pedro 2:11, vemos que a paixão da carne faz guerra contra a alma. Isso porque a alma regenerada não aceita a paixão da carne. É guerra! A luta contra a alma se chama paixão da carne. Uma alma entra em guerra por causa das suas paixões, pois se apaixona por coisas inadequadas.

A alma é tendenciosa a se apaixonar e se apegar àquilo que é ilegal. Por exemplo: a maioria dos adultérios e fornicações acontece com homem ou mulher casados, porque a alma se apaixona por um território impróprio.

A Bíblia ensina que devemos fugir da paixão da carne (II Timóteo 2:22). Temos o exemplo de José que fugiu da mulher de Potifar (Gênesis 39:7-10). A alma é enganadora e, para ela se proteger, macula a identidade do outro.

Na próxima semana, veremos que sempre haverá um novo degrau para subir em relação à cura da nossa alma. Perceberemos que, quanto mais experiências tivermos em vencer os limites da alma, uma guerra nova virá. Tudo para que sejamos aprovados no novo teste. Por isso, deveremos vencer os monstros da alma nas nossas atitudes, palavras e relacionamentos.



Eu Sou uma mulher
 vitoriosa,amada,criativa,valorizada,inteligente,mais que vencedora,virtuosa,amiga,mãe,filha,esposa,companheira,feliz,sonhadora,amada,querida,sou abençoada em todas as áreas da minha vida.

You Might Also Like

0 Deixe seu comentário

Obrigada pela visita !

Deus te abençoe com toda a sorte de bençãos nas regiões celestiais.

Eu declaro que você viverá dias de alegria,de paz de saúde,de prosperidade,de amor.Nesses dias, o Senhor mudará a sua sorte e a sua boca se encherá de riso e a sua família viverá o melhor de Deus. Em nome de Jesus.